Entrevista com Snaizen da Gamer Point

Fala galera eu entrevistei o Robson Vinuto(Snaizen) do site Gamer Point ,vamos essa incrível entrevista, eu fiz 6 perguntas ao Snaizen vamos ver o que ele respondeu.

1- Quando você pode dizer: – adoro se um Gamer?
Eu adoro ser um gamer justamente porque eu praticamente nasci um gamer.
Meu pai sempre foi envolvido diretamente com jogos e coisas assim e ele me
deu meu primeiro videogame quando eu tinha por volta de 3 ou 4 anos de
idade. Também foi esta a idade que eu comecei a mexer em computadores,
tanto que hoje em dia eu trabalho diretamente com eles.
Meu primeiro videogame foi o Phantom System, e desde então tive
praticamente todos que saíram no mercado. Mega Drive, Snes, Nintendo 64,
Playstation 1, 2 ,3 , PSP, Dreamcast, Xbox 360, além do fato de que o meu
PC sempre foi preparado para games. Se bem que nesta geração ele está um
pouco desatualizado.
Resumindo, eu posso dizer que adoro ser um gamer quando alguém me pergunta
algo como “Ei, como você sabe tão bem falar em inglês?” e eu respondo “Eu
jogo videogame.” 😉

2- Teve algum game que mudo sua vida? Ou mais aquele que gostou?
Eu não diria um jogo apenas. É difícil escolher apenas um game quando
existem diversos títulos no mercado e vários possuem uma excelente
qualidade. Mais se eu tivesse que mencionar alguns games, diria certamente
que as franquias Metal Gear Solid e Final Fantasy marcaram e muito a minha
vida. São duas grandes franquias com grandes histórias.

3- Quando você começou a participar do Site Gamer Point?
Desde o início. Eu já trabalhava com o Guilherme Gamer em outro site e
criamos a Gamerpoint justamente com uma ideia de trazer novidades o tempo
todo para os fãs de jogos aqui no Brasil.

4- Que Consoles você tem?
Eu atualmente só tenho o Xbox 360 e o PC. Também tenho um Playstation 3,
porém está parado na minha estante, com defeito. Quero ter condições de
comprar ainda o Nintendo Wii, o 3DS, e um novo Playstation 3. Fora que eu
ainda pretendo tunar o meu PC com as placas mais atuais do mercado. Meu
único problema, assim como o da maioria dos jogadores pelo Brasil, é a
falta de grana! Uashduahh. Difícil demais fazer tudo isso sem gastar
muito.

5- Por que você quis ser um Repórter Gamer?
Uahrahu Eu não sou, nem nunca fui, um “Repórter Gamer”. Eu apenas sou um
cara que ama jogos e sempre viveu neste mundo, e sei que muitas pessoas
aqui pelo Brasil sentem falta de informações reais e rápidas sobre jogos.
Foi exatamente por isso que eu procurei o Guilherme Gamer, enquanto ele
ainda era apenas da CJBR, com a ideia de criarmos algo nesse estilo.
Primeiramente a minha ideia era de tentar fazer isso na CJBR, porém nós
trabalhamos com o PortalGamerTV e com o tempo acabamos criando a
Gamerpoint. Hoje em dia, pelo menos eu, não estou mais no PortalGamer e me
dedico somente ao meu projeto da Gamerpoint.

6- Tem alguma mensagem para falar para os Gamer’s?
Pessoal que gosta de jogos, eu sei muito bem o que vocês devem enfrentar.
Problemas para comprar jogos, pais que falam que isso é perda de tempo,
mãe reclamando que a conta de luz vai chegar muito alta, mãe reclamando
que você precisa dormir cedo para ir ao colégio e tudo mais, porém eu
nunca vou me esquecer do que os jogos me proporcionam e sempre irão me
proporcionar. Eu aprendi inglês com o videogame, por exemplo.
Jogar videogame 24 horas por dia não é nada saudável. Nada que você faça
em excesso é! Ou seja, sempre arrume um tempo para descansar a vista,
tente jogar em uma posição confortável para não prejudicar a sua coluna
(acredite, sentar todo torto para jogar videogame, causa problemas futuros
de coluna), tentem balancear os horários para que o jogo não atrapalhe os
seus estudos e tudo mais. Afinal, se você não estudar você não arrumará um
bom emprego e consequentemente você não poderá ter nem os videogames e nem
os jogos mais atuais. Lembrem-se disso.

Obrigado Snaizen pela entrevista querem ver o trabalho dele no Site Gamer Point Clique Aqui

You can leave a response, or trackback from your own site.
Powered by WordPress | Designed by: Fabio Roberto