Burn the Witch A Era das Bruxas Chegou (ANALISE)

Para começar hoje vamos falar sobre “Burn the Witch”, é uma história que se passa no mesmo mundo do anime “Bleach” que estará de volta ano que vem, não tem personagens nem muitos elementos de Bleach, porém, voltar a ver uma história de Tite Kubo me deixou bem alegre e, lembrando, Burn The Witch tem um one shot que se passa antes da história desse filme e tem a primeira temporada de manga que é a história desse filme mas, qual é afinal a história?

Em Burn the Witch descobrimos que não existe só uma sociedade das almas, em Bleach vimos a sociedade das almas oriental e agora estamos vendo uma do Ocidente, para ser mais exato, Londres onde existem duas: a Londres Frontal, que seria o nosso mundo mesmo, e a Londres Reversa, que seria uma londres mágica. Todos que vivem nessa Londres reversa tem a habilidade de enxergar os Dragões, e usam o nome dragão, mas, toda criatura mágica neste mundo é batizada como dragão, existindo assim vários tipos de Dragões como os que ajudam as pessoas com transporte, cultivo e tudo mais. Muitos anos atrás foi decretado que os humanos estão proibidos de entrar em contato com os Dragões, quem entrar pode pegar uma pena de 100 anos ou execução, então, para conter os dragões foi criado a Wing Bind onde existem vários usuários de magia cujo trabalho varia a partir do setor que está, mas no geral eles preservam o equilíbrio do mundo entre Dragões e humanos; nisso eles são recompensados com dinheiro e desempenho, quanto mais dinheiro e desempenho eles desenvolvem podem ser promovidos, e entre os Dragões tem um tipo que é perigoso por ser agressivo aos humanos que é chamado de Dark Dragons esses Dragões tem sua coloração preta e ataca quem estiver pela frente.

Rolezinho de dragão

Voltando a história de Burn the Witch temos a dupla de protagonistas: Noel Niihashi – Sobre Noel não sabemos muito sobre seu passado, mas ela parece uma pessoa bem séria e bem focada em conseguir dinheiro e adora usar uniforme; a One Shot é mais focada nela e no seu amigo de escola chamado Balgo onde Balgo entrou em contato por muito tempo com um Dark Dragon sendo considerado um Possuído onde ele é o único, além dos funcionários da Wing Bind, a tocar em dragões ficando sob custódia da Noel; a outra protagonista é Ninny Spangcole onde esse filme deu uma aprofundada nela mostrando que ela fazia parte de um grupo chamado Cecile Die Twice junto de Macy, uma garota que gosta de Ninny que é completamente ciumenta se outra garota se aproxima dela; Ninny então larga o grupo para se focar no trabalho na Wing Bird e ser reconhecida para mudar de setor indo para o Sabers, o setor que é linha de frente contra os dragões.

Mas o que achei desse filme? Bem, o filme é fantástico, sério, gostei demais, pude assistir completo no crunchyroll dividido em 3 “episódios” e em uma horinha assisti, e mesmo nesse tempo curto conseguiram contar um arco de história, com muita ação, comédia e personagens carismáticos e interessantes, fora que como são usuários de magia cada um deles tem um dragão que usa de montaria e ainda tem Witch Kits que seria uma varinha/instrumento para usar suas magias, nesse filme tentaram não repetir as magias assim tivemos uma boa variedade delas, diversas utilidades e estilos e eu que particularmente gosto de magias em rpg então achei muito legal os estilos delas. A história tem uma pegada mais de fantasia mas com tempos modernos, ou seja, os personagens tem televisão, internet, celular isso dá uma pegada bem única a história. 

Essa Cinderella não vai perder a sapatilha

A trilha sonora é muito boa e a animação é fantástica, acho difícil, mas, se Burn the Witch conseguir virar série semanal com essa qualidade vai ser muito boa de assistir. Enquanto isso recomendo demais esse filme! Vocês vão gostar de dar uma chance para nosso Bleach do Ocidente.


You can leave a response, or trackback from your own site.
Powered by WordPress | Designed by: Fabio Roberto